Cidades

Dívida de inadimplentes soma quase R$ 15 milhões

A Associação dos Moradores Amigos de Ilha Solteira (Amais) revelou que, desde 2007, o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) vem alertando a Prefeitura sobre o aumento da dívida ativa e a ausência eficaz de cobrança dos valores devidos pelos contribuintes inadimplentes. A Prefeitura de Ilha Solteira ainda não confirmou o montante da dívida ativa.

O assunto voltou à tona, após a Prefeitura propor e a Câmara aprovar o aumento de 30% nas contas de água, sob a justificativa de que há defasagem no Setor de Água e Esgoto, que sofre com a inadimplência.

“É certo que se o Executivo cumprisse o papel que lhe foi confiado pelos munícipes, que é de melhor administrar o município, algumas providências teriam sidos tomadas. Entretanto, para não prejudicar a imagem política, conseguir votos e prestígios para a próxima eleição (característica que melhor representa o populismo), optou-se por não tomar providências e levar a questão em banho-maria”, critica a Amais.

A entidade destacou ainda que, em 2010, no relatório das contas anuais do município de Ilha Solteira, o Tribunal de Contas fez a seguinte observação: “O Município precisa rever os procedimentos adotados quanto à sua dívida ativa, sob pena de estímulo à inadimplência”. (Hoje Mais Ilha Solteira)

Da Redação

marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

Comment here