Cidades

Novo inseticida é testado contra vetores na rede de esgoto

O Daep (Departamento Autônomo de Água de Penápolis) e o Serviço de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde iniciaram na última semana um projeto piloto para a eliminação de vetores, como baratas e escorpiões, na rede de esgoto. A fase de testes foi iniciada na Vila São Joaquim e no bairro Village.

Segundo o Chefe de Serviço da Vigilância Epidemiológica, Franklin Cordeiro, o projeto consiste na aplicação dos produtos lambda-cialotrina e do tiametoxam dentro dos poços de visitas da rede de esgotos para eliminação das baratas que, em contato com possíveis escorpiões existentes no local, provocam a eliminação dos escorpiões.

“Estes novos produtos tendem a ser mais eficientes, com alto poder residual, ou seja, continuam a ter efeito algum tempo após a aplicação. Além disso, conseguimos utilizar menos produtos em cada pulverização. Com menos produto, temos maior eficácia na eliminação dos vetores”, destacou o encarregado.

A pulverização já foi realizada em 28 poços de visita localizados na Vila São Joaquim e em mais 40, na Village. Nos próximos dias, será feita a pulverização no Portal dos Faveiros.

“Inicialmente já constatamos um bom resultado, com a eliminação de uma grande quantidade de baratas nestes locais. Agora, faremos uma avaliação após 7 e 15 dias do dia da aplicação”, contou Cordeiro.

O presidente do Daep, Edson Bilche Girotto, destacou que após a avaliação deste projeto piloto, caso os resultados sejam positivos, o Daep passará a adotar este método de eliminação de vetores.

“O método anterior de fumaceamento, apesar de eliminar as baratas, não era tão eficiente e acabava por desalojar os escorpiões. Esperamos um melhor resultado com esta nova aplicação”, concluiu.

Da Redação

marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

Comment here