Andradina

Confirmada liberação de R$ 3,1 milhões para pavimentação de estrada

Foi publicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (23) despacho do chefe da Casa Civil sobre convênio do Departamento de Estradas de Rodagem para execução das obras e serviços de pavimentação da Estrada Vicinal Emitério Castilho Gimenez, interligando a Vila Passareli ao Patrimônio, com 5,7km de extensão, em Andradina. O valor da obra do recurso disponível é de R$ 3,1 milhões. No dia 14, o ex-diretor executivo do Itesp, Marco Pilla, acompanhou o vereador e ex-presidente da Câmara, Joaquim Justino da Silva, o Joaquinzão, em audiência com o secretário de Logística e Transportes, Laurence Casagrande Lourenço, para reforçar o pedido. No 8 de março, a prefeita Tamiko Inoue também esteve com o secretário com o mesmo objetivo.

Na oportunidade, o secretário Lourenço adiantou que a assinatura do convênio entre a Secretaria de Logística e Transportes e a prefeitura de Andradina para recuperar o trecho deve ocorrer em breve. “O governador disse se tratar de um pleito prioritário”, afirmou. No ano passado, Pilla reforçou o pedido para recuperar a vicinal junto ao governador.

A obra prevê a pavimentação de trecho de 5,7 quilômetros da estrada, no trecho que liga a Vila Passarelli ao Patrimônio de Paranápolis.

Trata-se de uma estrada histórica. A estação ferroviária de Paranápolis foi concluída antes da estação de Andradina. Muitos pioneiros chegaram à cidade por Paranápolis e la se instalaram, como a famílias famílias Castilho, Silva (Álvaro e irmãos), José de Almeida Primo e várias outras. Além disso, esta estrada é acesso para assentamentos rurais.

Segundo a prefeita Tamiko Inoue, trata-se de um antigo pedido andradinense. O pedido foi feito ainda na gestão do prefeito Jamil Ono devido à importância da obra para facilitar a integração de Paranápolis e Andradina. “Agradecemos ao governador Geraldo Alckmin pela liberação. Igualmente, destacamos a participação de Marco Pilla e do vereador Joaquim Justino da Silva (Joaquinzão), quer também atuaram para a liberação da obra”, disse a prefeita Tamiko.

De acordo com a prefeita, o custo da obra está orçado pelo secretário de Obras de Andradina, Ernaldo Calvoso, em aproximadamente R$ 3,570 milhões. Como o governo vai liberar R$ 3,1 milhões, a contrapartida do município será superior a R$ 400 mil.

Da Redação

marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

Comment here