Andradina

Celebração do Corpus Christi motivou reflexão sobre o momento brasileiro

Em Andradina e em todas as paróquias do Brasil, os católicos comemoram o Corpus Christi, meditando sobre a necessidade da intervenção da fé em Jesus Cristo, nesse momento de grande tensão nacional para que se busque soluções em que o ser humano é mais importante que a bolsa de valores.

A alternativa cristã apontada nos tapetes das procissões e nas homilias dos padres, bispos e cardeais, é a do respeito à Constituição e à Democracia. Porém a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil condenou a postura de parte do Governo que tenta tornar imexível alguns preços, para se manter competitivo no mercado internacional.

Para os Bispos do Brasil, na ótica do moral do cristianismo, “qualquer solução que atenda à lógica do mercado e aos interesses partidários antes que às necessidades do povo, especialmente dos mais pobres, nega a ética e se desvia do caminho da justiça” Nenhuma solução que se utilize da violência ou prejudique a democracia pode ser admitida como saída para a crise. Resumindo: contra aumento de impostos, contra intervenção militar, à favor da democracia.

E sobre a proposta do Governo de manter a Petrobrás rentável e lucrativa aos olhos da Igreja também mereceu uma dura crítica: “Quando é o mercado que governa, o Estado torna-se fraco e acaba submetido a uma perversa lógica financista. “O dinheiro é para servir e não para governar” (Papa Francisco, Evangelii Gaudium, 58)”.

Em Andradina, a padre Edson que proferiu a homilia na missa que antecedeu a procissão de Corpus Christi, também falou da alternativa de Jesus Cristo para todas as crises que é o amor e a solidariedade”. Ele criticou aqueles que correm para se abastecer estocando o que não precisam, e demonstrando total compromisso com seus semelhantes.

A Igreja Católica em Andradina realizou pelo segundo ano, o Corpus Christi Solidário. As comunidades católicas recolheram alimentos que estão sendo entregues hoje à entidades como asilo e creches.

Da Redação

Comment here