CidadesPlantão Policial

DUAS PESSOAS SÃO PRESAS COM DROGAS E DINHEIRO

Uma mulher de 55 anos e um homem, de 34, foram presos em flagrante entre a tarde e a noite de terça-feira (03), em Araçatuba, por tráfico de drogas. As prisões foram feitas por policiais civis e militares em locais distintos do município.

O primeiro caso aconteceu na rua Padre Ângelo Rudelo, no bairro Águas Claras. Uma equipe do GOE (Grupo de Operações Especiais), da Polícia Civil, já vinham recebendo há alguns dias denúncias anônimas informando que uma desempregada estaria comercializando entorpecentes na residência em que mora.

Diante das informações, a polícia requisitou à Terceira Vara Criminal um mandado de busca e apreensão, que foi cumprido na tarde de terça-feira. Quando os policiais chegaram encontraram o portão da frente e a porta da sala abertos. Dentro do imóvel estava a investigada, que tomou ciência do mandado e autorizou as buscas.

Em um primeiro momento, a suspeita informou que não havia nada de ilícito dentro da casa. Porém, conforme as buscas avançavam, a situação da autora se complicava ainda mais. Alguns minutos depois da revista, as equipes do GOE perceberam que uma cadeira plástica estava suja de terra, dando o entender que alguém teria subido nela.

As equipes decidiram escalar os muros da residência e foi nesse momento em que encontraram uma sacola contendo 40 pedaços de maconha, além de 32 porções de cocaína. Parte da droga também estava escondida em outra sacola na cozinha do imóvel. Com as evidências encontradas, a desempregada recebeu voz de prisão e foi encaminhada até a Central de Flagrantes, onde prestou depoimento.

Durante o interrogatória, a mulher permaneceu calada sobre a procedência de todo o entorpecente. Ela continuou presa por tráfico de drogas. Um inquérito foi aberto pelo terceiro distrito policial do município, que continuará investigando o caso.

NOITE

Algumas horas depois, já durante a noite, uma equipe da Força Tática, da Polícia Militar, fazia patrulhamento de rotina quando recebeu denúncia anônima de um morador, que não quis se identificar, de que um mecânico, de 34 anos, estaria comercializando drogas na rua José Geraldi, no bairro Jardim Primavera.

Os PMs foram até ao endereço repassado para averiguar a veracidade e encontraram o suspeito em atitude suspeita. Ele foi abordado e revistado. Durante a revista pessoal, as equipes localizaram 18 pinos contendo cocaína e 17 porções de crack. Todos os entorpecentes estavam escondidos no bolso da calça que o rapaz vestia.

Já na casa do indiciado, a polícia encontrou mais centenas de pinos vazios sob o colchão de um dos quartos, além de dez reais em dinheiro. O mecânico confessou que vendia drogas no local pelo valor de dez reais a unidade. Diante disso, ele foi encaminhado até a delegacia, onde permaneceu preso. O autor  passou por audiência de custódia no Fórum do município, na manhã de quarta-feira (04), e depois foi transferido para a cadeia pública de Penápolis, onde deverá aguardar vaga em alguma unidade prisional da região.

marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

Comment here