CidadesPlantão Policial

Em nova megaoperação, Polícia Civil de Araçatuba põe 35 pessoas na cadeia

Pela segunda vez em menos de um mês, a Polícia Civil de Araçatuba desencadeou uma nova grande operação para dar cumprimento a diversos mandados de prisão na região do Deinter-10, que engloba as Delegacias Seccionais de Araçatuba e Andradina. Em dois dias de trabalhos, 35 pessoas foram presas, sendo três em flagrante. Os trabalhos aconteceram a nível nacional.

A operação “Midas” começou na última quarta-feira (26) logo nas primeiras horas da manhã e envolveu 170 policiais civis. Os alvos eram aquelas pessoas que foram condenadas e encontravam-se foragidas da Justiça, com mandados de prisão em aberto. De acordo com o delegado da Delegacia Seccional de Araçatuba, Marcelo Curi, a operação foi concluída com sucesso.

“Toda vez que você tira criminosos de circulação, os crimes tendem a diminuir. No Brasil, o índice de reincidência é grande e sempre os crimes são cometidos pelas mesmas minorias. Portanto, colocando essa minoria na cadeia, a criminalidade cai”, disse em entrevista ao jornal O LIBERAL REGIONAL.

Em dois dias de intensos trabalhos com todas as equipes empenhadas, 32 pessoas foram presas por meio de mandados de prisão em aberto. Deste total, dois respondem por roubos, 22 por outros tipos de crimes, oito por mandado cível, principalmente pensão alimentícia. Outras três pessoas foram presas em flagrante, totalizando 35 presos. Um adolescente, que não teve a idade divulgada foi apreendido.

APREENSÕES

Além das prisões, os policiais também fizeram apreensões em alguns dos locais onde foram cumpridos os mandados. No total, a Polícia Civil apreendeu 123,87 gramas de maconha, 144,48 gramas de cocaína, além de uma arma de fogo. Todos os objetos foram encaminhados para a Central de Flagrantes e permaneceram apreendidos para passar por perícia técnica.

SEGUNDA OPERAÇÃO

No último dia 12 de setembro, as Polícias Civil e Militar de Araçatuba também fizeram uma megaoperação onde 84 pessoas foram presas, sendo doze em situação de flagrante. Deste número, dois eram adolescentes e cinco eram mulheres. De toda a quantidade, 33 pessoas foram presas por mandados de prisão por questões criminais e 39 por processo cível, principalmente a falta de pagamento de pensão alimentícia.

Ainda durante os trabalhos, foram apreendidos um revólver de calibre 32 em Rubiácea, 32,8 gramas de maconha, três pés do mesmo entorpecente, além de 9,78 gramas de haxixe. As duas ocorrências de tráfico de drogas foram registradas em Ilha Solteira e Valparaíso.

O caso que mais chamou a atenção das autoridades foi em Ilha Solteira, município a 165 quilômetros de Araçatuba. Dez pessoas foram detidas em flagrante, sendo oito maiores e dois adolescentes. A Justiça expediu mandado de busca e apreensão em uma república de estudantes universitários, localizada no Passeio Barbacena.

Chegando lá, os policiais localizaram maconha, três pés do entorpecente, R$ 2.300,00 em dinheiro, além de outros objetos utilizados no tráfico de drogas. Os dez envolvidos foram detidos e encaminhados até a delegacia local, onde foram autuados em flagrante. Eles irão responder por tráfico de drogas e associação ao tráfico.

marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
marcio123rocha Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

Comment here