Vigilância Epidemiológica oferece treinamento a profissionais da saúde

Tendo em vista que o período de calor e chuvas favorece a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, a Prefeitura de Araçatuba, através da Vigilância Epidemiológica (VE) ofereceu, nesta semana um treinamento para profissionais da Saúde, a respeito do assunto.
Segundo a dirigente administrativa da VE, Priscila Cestaro, quem ministrou o treinamento foi a médica infectologista que atua na VE, Heloysa Liberatori Gimaiel. As capacitações contaram com a participação de cerca de 50 pessoas, dentre elas profissionais que atuam na VE, Atenção Básica, Pronto Socorro, Hospitais e Centro de Controle de Zoonoses.
“A intenção do treinamento foi conscientizar os profissionais da saúde sobre a importância de ficarem atentos para que, se algum paciente apresentar sinais e sintomas de arboviroses, sejam atendidos imediatamente e, na sequência, notifiquem a VE sobre casos suspeitos. Desta forma, a Vigilância pode iniciar investigações, bloqueio e eliminação de criadouros”, esclarece Priscila.
Segundo ela, os profissionais da saúde também foram alertados a respeito do sarampo. “A situação epidemiológica do Brasil está crítica em relação ao sarampo. Por isso, a população deve ficar atenta, mas são os profissionais da saúde quem devem estar capacitados para atender e orientar os pacientes”, explica.

DA REDAÇÃO
Araçatuba

você pode gostar também