Plantão Policial

Família de vítima morta em acidente aceita doação de órgãos

Uma araçatubense de 45 anos morreu na tarde de quinta-feira (10) depois de ficar quatro dias internada na Santa Casa de Araçatuba após sofrer um acidente de trânsito na rodovia Euclides de Oliveira Figueiredo (SP-563) em Pereira Barreto no último domingo (06).

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, Lenita Oliveira de Sousa estava com outra passageira, além do motorista, dentro de um veículo VW/Gol pertencente à Prefeitura de Riolândia. Eles estavam a caminho da penitenciária de Tupi Paulista quando tudo aconteceu.

 

O condutor viu que uma motocicleta desconhecida trafegava pela contramão. Para desviar e evitar a batida, o motorista tentou desviar, perdeu o controle da direção e capotou em seguida no canteiro central. Ele e a outra passageira sofreram ferimentos leves. Já Lenita teve traumatismo craniano e, por conta da gravidade dos ferimentos, teve que ser encaminhada para Araçatuba.

 

Após quatro dias, a Comissão Intra-Hospitalar de Transplantes abriu protocolo e constatou a morte cerebral da paciente. A família autorizou a captação de órgãos, quer foi realizada ainda durante a quinta-feira por equipes médicas do Hospital de Base de São José do Rio Preto.

 

Foram captados os rins, as córneas e o fígado da mulher. De acordo com o enfermeiro Matheus Tonons, da CIHT, os órgãos foram coletados pela equipe do Hospital de Base de São José do Rio Preto e foram direcionados pela Central Nacional de Transplantes. Foi a segunda captação em 2019. A primeira ocorreu na semana passada em um homem que não teve a identidade revelada.

 

Comment here